Linhas de Pesquisa

pdf.jpg

Arte e Recepção

Reúne pesquisas que tratam do problema da recepção e do trânsito de objetos, práticas, teorias e tradições artísticas dentro da nova geo-História da Arte. A partir do compromisso histórico com novas epistemologias e novos métodos investigativos, tais projetos pensam a arte, de qualquer período ou local, em conexão imediata com os seus processos de recepção e culturalização.

A ideia de recepção e sua ênfase central no papel desempenhado pela “leitura”, pela apropriação e interpretação, deve servir para que possamos compreender como cada artista, obra ou grupo lidou com os diferentes modelos, padrões e tradições disponíveis no seu repertório cultural, sejam eles autóctones ou estrangeiros. A ideia de trânsito, por sua vez, aponta para a reelaboração dos fundamentos do próprio discurso histórico e crítico que, por longo tempo, associou a produção artística ao lugar e tempo específico de produção, levando ao questionamento sobre a transitoriedade e a mobilidade da arte e da cultura em geral.

recto-dopo-APRILE-2018_DETT2.jpg

Arte e Alteridade

Reúne projetos de investigação que tratam da incorporação ou da aproximação com a reflexão crítica e historiográfica da arte de objetos, temas e questões usualmente associadas ao campo antropológico ou cultural, tais como a relação entre objetos artísticos e etnográficos; o entrecruzamento de objetos, sujeitos e fatos sociais; a transfiguração dos objetos em ritos, encantamentos e outros processos que congregam arte e vida, entre outros. 

Desse modo, a linha de pesquisa proposta responde aos argumentos contrários à possibilidade de elaboração de uma História da Arte Global e aos riscos de dispersão e diluição da disciplina na busca de uma maior amplitude e de bases teóricas novas que façam confluir diferentes objetos, sistemas de pensamento, agentes, instituições, tradições culturais, modos de ação e reflexão (pesquisar, colecionar, exibir, ensinar, escrever, editar, criar).